Busque uma postagem

Arquivos

sábado, 9 de maio de 2015

Vinda de Itapecuru família paga promessa a São José

Costumeiramente e não por acaso, o Santuário arquidiocesano localizado na cidade balneária da grande São Luís, recebe romeiros vindos de várias partes do estado. Não só dele, mas de todo o país e mesmo do mundo. Os romeiros passam pela Casa do santo querido para rezar, cantar ou ficar apenas em silêncio como em um retiro espiritual particular. Crianças, jovens, idosos,
famílias, casais, escolas, entidades, grupos de passeio passam diariamente pelo Santuário para render graças a Deus e agradecer o intermédio do castíssimo esposo de Maria e patrono Universal da Igreja. O casal Sebastião  Aguiar e Maria Francinete, de Itapecuru,  vieram a cidade-Santuário para agradecer a graça concedida por Deus pela intercessão de São José, o protetor 
do Maranhão. Francinete não podia ter filhos, em razão disto, seu esposo Sebastião fez promessa para o padroeiro dos maranhenses,  que ouvira falar quando criança. Em alguns dias, após Francinete seguir para um consulta, descobriu que estava gravida. Depois deste, tiveram mais uma menina. Francinete  embora não esperasse mais, engravidou pela tarceira vez, mas perdeu a criança. Renovando a promessa a São José, a mãe pediu que Deus desse a chance  de ter novamente o filho que havia perdido; em alguns meses Francinete  recebeu a graça. Hoje, com condições melhores que antes, a família viajou a São José de Ribamar para cumprir a promessa.

Francinete havia vindo a cidade três outras vezes, quando criança, adolescente e jovem. Já Sebastião era a primeira vez, "estou muito encioso, não pareço está aqui". Sua esposa, embora já tenha visitado outras vezes o Santuário se emociona e, ao mesmo tempo, se alegra. Ela diz ser sempre diferente. "Sinto uma paz, uma felicidade, harmonia, sinto como se estivesse mais próxima do céu. Está aqui é uma experiência como nem uma outra", diz a mãe emocionada. O casal

pagou sua promessa e se prepara para batizar uma de suas filhas na casa do Santo que rogou a Deus pela vida de seus filhos. "São José de Ribamar, meu protetor, valei-nos!", roga Maria Francinete em companhia do esposo e filho em oração.