Busque uma postagem

terça-feira, 8 de abril de 2014

PAPA RECEBE COMITIVA DA JMJ RIO2013







“Os cariocas me roubaram o coração”. Com essa frase, o papa Francisco acolheu, ontem, 7, a comissão organizadora da Jornada Mundial da Juventude (JMJ) Rio2013, liderada pelo arcebispo do Rio de Janeiro, cardeal Orani João Tempesta, em uma audiência,  no Vaticano.
 Ao recordar a viagem ao Brasil, em julho do ano passado, o papa brincou dizendo que os cariocas são uns “ladrões”. “Sim, 'ladrões', pois roubaram o meu coração! Aproveito a presença de vocês aqui hoje para agradecer-lhes por este ‘roubo’. Muito obrigado por terem me contagiado com o entusiasmo de vocês lá no Rio de Janeiro, e por hoje me ajudarem a 'matar' as saudades do Brasil”, completou.
Francisco ainda lembrou da dificuldade de organizar um evento tão grande como foi a JMJ do ano passado e lembrou o milagre da multiplicação dos pães e dos peixes, reforçando a necessidade de, ao olhar para o futuro, repetir o milagre nas igrejas particulares.
“Temos que olhar para o futuro, fortalecidos com a segurança de que Deus sempre multiplica nossos esforços. Jesus nos repete constantemente: ‘Dá-lhes vós mesmos de comer’. Assim, esse milagre vivido na Jornada Mundial da Juventude se deve repetir todos os dias em cada paroquia, em cada comunidade, no apostolado pessoal de cada um!”, disse o papa.
Além da audiência com o papa, o cardeal Orani participará de outros eventos em Roma, como o Encontro Internacional de responsáveis pela Pastoral da Juventude e reuniões com o Pontifício Conselho para os Leigos. No próximo sábado, dia 12, tomará posse da Igreja de Santa Maria Mãe da Providência, para a qual recebeu o título cardinalício.
No Domingo de Ramos, dia 13, a comitiva da arquidiocese do Rio participará da cerimônia de entrega dos Símbolos da JMJ para a Cracóvia, sede da jornada em 2016. 




Créditos: CNBB