Busque uma postagem

Arquivos

quinta-feira, 6 de março de 2014

TRÁFICO HUMANO É TEMA DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2014





TRÁFICO HUMANO É TEMA DA CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2014

Palestra e caminhada marcam o lançamento da CF no Santuário de São José de Ribamar



A Paróquia e Santuário de São José de Ribamar também fez o lançamento oficial da Campanha da Fraternidade 2014, nesta quarta (05/03). Uma procissão, pedindo o fim do tráfico e da exploração do ser humano, partiu da Comunidade Santa Maria, no Cruzeiro, em direção à Igreja Matriz. Antes da caminhada, os paroquianos participaram de uma tarde de formação sobre a CF e Quaresma.
Com o tema “Fraternidade e Tráfico Humano” e lema “É para a liberdade que Cristo nos libertou”(Gl 5,1), a Campanha da Fraternidade 2014 propõe uma reivindicação dos poderes públicos, políticas e meios para a reinserção das pessoas atingidas pelo mal do Tráfico Humano, em suas diversas facetas, e sensibilizar a sociedade à praticar a justiça social. “A Campanha da Fraternidade é um momento de diálogo com a sociedade, com foco na justiça social e, este ano, a CF vem para que as pessoas abram a mente e evitem que mais casos de tráfico aconteçam”, enfatiza Flor de Liz, integrante da Equipe de Campanhas do Santuário.
De acordo com o texto base, o tráfico humano se mostra em diversas modalidades, entre elas, o tráfico para a exploração do trabalho, para exploração sexual, extração de órgãos, para adoção de crianças, para exploração da força de trabalho e para a atividade ilícita. Neste sentido, a CF 2014 busca denunciar tais atos como violação da dignidade e da liberdade humana, mobilizando comunidades cristãs para resgatar as pessoas e erradicar esse mal, com vista ao resgate da vida dos filhos e filhas de Deus.
Todos os anos, a Campanha da Fraternidade é lançada no início da Quaresma, tempo de preparação para a Páscoa. Sendo assim, o Santuário de São José de Ribamar preparou uma palestra, ministrada pelo Pároco Solidário Gutemberg Feitosa, aos paroquianos. Na oportunidade, o Padre Gutemberg falou sobre a data, que se estende até a quinta-feira santa. “A Quaresma inicia na quarta-feira de cinzas. As cinzas nos dizem que somos frágeis e precisamos de Deus, de conversão. Também é tempo de se confessar e renovarmos o nosso batismo”, aconselha o pároco solidário.



Ensaio do hino da CF 2014 

Membros da Equipe de Campanhas: Werley Leite, Flor de Liz e Raimundo Ramos 

Pe. Gutemberg Feitosa ministra palestra sobre a Quaresma 

Pe. Maxemo de Jesus 

Flor de Liz